Reunidas a Coordenadora CDU e a Comissão Concelhia do Partido Comunista Português, após as eleições autárquicas de 1 de Outubro, foram feitos sobre esse acto eleitoral o seguinte balanço e consequente reflexão:

1.  Apesar de se manter como terceira força política no concelho, o PCP e a CDU consideram negativa a não concretização dos objectivos eleitorais definidos: o reforço da votação, com maior número de votos  e mais eleitos do que em 2013 e a eleição de um vereador para o Executivo da Câmara Municipal.

 2. Beneficiando das políticas nacionais, para as quais o PCP tem contribuído de forma decisiva, o PS local conseguiu não só fazer esquecer os aspectos mais negativos do seu mandato, como reforçar a sua maioria em algumas Assembleias de Freguesia e na Câmara Municipal.

3. O PSD continua a pagar, e bem, o resultado da política de saque aos rendimentos dos trabalhadores e pensionistas, assim como da tentativa declarada de destruição da matriz da Escola Pública, como desenhada na Constituição da República e dos ataques desferidos contra o Serviço Nacional de Saúde. O eleitorado, e naturalmente também o da Figueira da Foz, penalizou esta força política nas urnas, infligindo-lhe uma pesada derrota.

4. Quanto ao CDS, a situação emergente das eleições é semelhante, malgrado o esforço desenvolvido por alguma comunicação social, ao transportar literalmente “ao colo” esta força política, procurando fazer passar a mensagem de que o resultado obtido em Lisboa tem expressão nacional. A realidade é totalmente diferente daquela que tem sido veiculada.

5. Finalmente, o PCP saúda as centenas de candidatos que, também na Figueira da Foz, deram corpo às listas e ao projecto da CDU, em todas as freguesias  do concelho, conseguindo com o seu trabalho, determinação e confiança, um resultado que não sendo o desejado nem o merecido, se apresenta como consolidado, com maior número de  votos do que em 2009, afirmando um natural movimento de crescimento, e portanto, uma base fiável de intervenção cívica e política que fará certamente a diferença nos diferentes órgãos autárquicos em que detemos posições. Nos restantes, continuaremos a fazer ouvir a nossa voz, apesar das acrescidas dificuldades, por todos os meios que nos for possível encontrar, caso a caso. Cumpriremos a promessa.

 

Figueira da Foz, 13 de Outubro de 2017

 

 

A Coordenadora CDU, A Comissão Concelhia do PCP

Hoje, dia 23 de outubro de 2014, o auditório do Sítio das Artes (antiga Universidade Internacional) encheu para receber o Secretário Geral do Partido Comunista Português.

Neste comício, marcaram presença mais de 200 pessoas para mais uma demonstração de força e de indignação pelas atrocidades de que têm sido alvos pelos sucessivos Governos PS, PSD e CDS/PP.

Continuar...

CDU - Figueira da Foz

A Coligação Democrática Unitária luta dia após dia contra esta desastrosa politica de direita posta em prática pelos governos PS/PSD/PP, com o objetivo claro de construir uma politica alternativa, patriótica e de esquerda que assegure um Portugal com futuro, com justiça social e progresso num país soberano e independente que defenda e garanta direitos dos trabalhadores, aposentados, reformados e jovens. 

É com este objetivo que a CDU da Figueira da Foz luta todos os dias de forma séria, verdadeira, justa, competente e sem demagogia pela defesa dos figueirenses.

CDU no Facebook